Como Contabilizar Operações Com Factoring

Neste artigo vou mostrar Como Contabilizar Operações Com Factoring . Factoring são empresas que exploram as atividades de prestação de serviços de assessoria creditícia, mercadológica, gestão de crédito, seleção de riscos, administração de contas a pagar e a receber, compras de direitos creditórios resultantes de vendas mercantis a prazo ou de prestação de serviços.

A receita obtida pelas empresas de factoring, representada pela diferença entre a quantia expressa no titulo de crédito adquirido e o valor pago, deverá ser reconhecida, para efeito de apuração do lucro líquido do período – base, na data da operação.

Como Contabilizar Operações Com Factoring

Vamos considerar que uma empresa “A” vendeu a uma empresa de factoring uma carteira de duplicatas no valor de R$ 100.000,00, e recebeu por essa venda a quantia de R$ 80.000,00, teremos os seguintes lançamentos contábeis:

Registros na Empresa que Vendeu a Carteira

D – Bancos (Ativo Circulante – Disponibilidades) R$ 80.000,00
D – Despesas Financeiras (Conta de Resultado) R$ 20.000,00
C – Duplicatas A Receber (Ativo Circulante) R$ 100.000,00

Registros na Empresa que Comprou a Carteira – Factoring

D – Duplicatas a Receber (Ativo Circulante) R$ 100.000,00
C – Bancos (Ativo Circulante – Disponibilidades) R$ 80.000,00
C – Receita de Faturização (Conta de Resultado) R$ 20.000,00

Base Legal:

  • Lei 8981/95, art. 36, com a redação dada pelo art. 58 da Lei 9.430/96.

Treinamento Exclusivo Para Te Ajudar a Passar No Exame do CRC >>Confira Aqui<<

Gostaria de Trabalhar com CONSULTORIA? Conheça os  >>”3 Passos Para ser um Consultor de Alta Performance”<<

Descubra como um concurseiro conseguiu ser aprovado e NOMEADO em 8 concursos federais, com apenas 22 anos!!! >>Veja aula GRÁTIS<<

Você conhece o Tesouro Direto? Descubra porque é um investimento muito melhor que a poupança!!!

Curso de Rotinas Fiscais para Escritórios de Contabilidade. Conheça os detalhes deste treinamento >>AQUI<<

Você quer abrir seu Escritório de Contabilidade? Confira aqui e veja como!!!

Manual Prático de Auditoria. Curso único no mercado.

Diversifique os serviços de seu escritório, Já pensou em oferecer serviços online? Confira aqui!

Tenha um ótimo dia!

Leia também

Sobre Luis Batista 105 Artigos
Contador, Consultor Contábil, Fiscal e Financeiro, Auditor. Atua na área contábil desde 2002. Criador do site Como Contabilizar desde julho de 2013.

7 Comentário

  1. Luis, boa tarde! No caso quando a operação de desconto é feito por um fundo de investimento de direito creditório (FIDC), ele não fica com o risco do cliente não pagar, ou seja, caso o cliente não pague a empresa tem que recomprar o título descontado. Nesse caso a contabilização correta, seria:

    Operação: Venda de 1000,00 com 30 dias de prazo e desconto da duplicata em FIDC:

    C – Receita de Vendas = 1000,00 (conta de resultado)
    D – Duplicatas a receber = 1000,00 (ativo circulante)

    D – Caixa = 900,00 (ativo circulante)
    D – Juros c/ descontos de duplicatas = 100,00 (conta de resultado)
    C – Duplicatas descontadas = 1000,00 (passivo circulante)

    Existe uma instrução do CFC que define que a conta duplicatas descontadas é passivo circulante. Até então eu classifica como redutor de ativo, e ainda vejo muitos contadores classificando assim. Veja a norma:

    http://www.portalcfc.org.br/coordenadorias/camara_tecnica/faq/faq.php?id=2040

    Essa contabilização está correta?? como você faria?

    Obrigado.

  2. Professor, mas como ficar a contrapartida quando a empresa que vendeu a carteira receber o valor dos seus Clientes para o posterior pagamento a empresa de Factoring?
    A empresa de factoring cobrará diretamente dos clientes da empresa?? sem a necessidade de que os clientes paguem a empresa para que depois ela repasse a empresa de factoring? assim que funciona?

    • Olá Pedro.
      Isso mesmo, a factoring compra a carteira. Ela assume os riscos, por isso cobra taxas altíssimas.
      A partir daí o cliente paga o boleto diretamente à factoring.

  3. Sr.Luiz Batista,
    de Eu contabilizo FACTORING da seguinte forma na empresa que comprou a carteira:
    D – Duplicatas a Receber (Ativo Circulante) R$ 100.000,00
    C – Retenção do IOF
    C – Receita de Ad-Valoren (sobre a qual incide Imposto s/serviço com obrigatoriedade de emissão de NF)
    C – Receita de Faturização (Conta de Resultado) R$……..
    C – Bancos (Ativo Circulante – Disponibilidades) R$ ……….

Comente, pergunte, tire sua dúvida aqui!