Como Contabilizar Capital Social Na Abertura Da Empresa

Neste artigo, falarei sobre a contabilização de constituição de uma empresa, e mostrarei exemplos dos lançamentos contábeis da subscrição e da integralização do seu capital social.

Na constituição de uma empresa, deve ser feito o lançamento da subscrição do capital, para em seguida efetuar o lançamento da integralização do capital.

Há alguns contadores que, na ocorrência de subscrição e integralização simultâneas, suprimem o lançamento da subscrição de capital. Esse procedimento não é recomendável porque a falta do registro da subscrição do capital a integralizar omite um fato importante: a obrigação do sócio de integralizar o valor acertado em contrato.

Mostraremos seguir a forma de contabilização desses eventos.

Contabilização do capital social na abertura da empresa

Admitamos a constituição de uma determinada empresa com os seguintes dados:
a) data de constituição da empresa: 10.01.20XX;
b) capital social de R$ 100.000,00, dividido em 100.000 cotas no valor de R$ 1,00 cada uma;
c) participação na empresa dos sócios “A” e “B”, cada um com 50% do capital social, da seguinte forma:
c.1) sócio “A”: subscrição e integralização, no ato da constituição da sociedade, em moeda corrente do País, de sua parte, no valor de R$ 50.000,00;
c.2) sócio “B”: subscrição , no ato da constituição da sociedade, em moeda corrente do País, de sua parte, no valor de R$ 10.000,00, e integralização do restante após 120 dias da assinatura do contrato;

Contabilização da subscrição do capital

Capital subscrito é o valor total do compromisso de contribuição firmado pelos sócios (em dinheiro ou em bens), por meio de contrato social, na formação do capital da empresa.

D – Capital Social a Integralizar (Patrimônio Líquido) R$ 50.000,00
D – Capital Social a Integralizar (Patrimônio Líquido) R$ 50.000,00
C – Capital Social Subscrito (Patrimônio Líquido) R$ 100.000,00

Nota: Dois lançamentos na conta de “Capital a Integralizar” referente ao compromisso firmado pelos dois sócios.

Contabilização da integralização do capital

Capital integralizado é a parte ou o total do capital subscrito, já recebido pela sociedade.

D – Bancos (Ativo Circulante – disponibilidades) R$ 50.000,00
D – Bancos (Ativo Circulante – disponibilidades) R$ 10.000,00
C – Capital Social a Integralizar (Patrimônio Líquido) R$ 50.000,00
C – Capital Social a Integralizar (Patrimônio Líquido) R$ 10.000,00

Nota: Integralização total por parte do sócio A, e integralização, por parte do sócio B, da parte firmada em contrato no ato da assinatura do contrato.

Após os 120 dias da assinatura do contrato, o sócio B deve integralizar o restante do capital social. Segue a contabilização:

D – Bancos (Ativo Circulante – disponibilidades) R$ 40.000,00
C – Capital Social a Integralizar (Patrimônio Líquido) R$ 40.000,00

Gostou do artigo? Então comenta e compartilha. Tenha um ótimo dia.

Vai Fazer o Exame de Suficiência do CRC? >>> Se prepare para as provas do CRC com um dos professores mais renomados do mercado acadêmico. Apostila para o exame do CRC

Treinamento Exclusivo Para Te Ajudar a Passar No Exame do CRC >>Confira Aqui<<

Atualize-se fazendo cursos online na área contábil. >>Veja aqui<<

Você gostaria de abrir seu Escritório de Contabilidade? Confira aqui e veja como!!!

Leia também

Sobre Luis Batista 104 Artigos
Contador, Consultor Contábil, Fiscal e Financeiro, Auditor. Atua na área contábil desde 2002. Criador do site Como Contabilizar desde julho de 2013.

42 Comentário

  1. Ola, você pode me ajudar?
    É a primeira vez que que vejo esse lançamento, estou no terceiro período de contábeis, e não acho nada semelhante, então se puder me mostrar como ficaria e o pq eu agradeço. Segue o lançamento:
    A empresa foi constituída com capital inicial de R$ 2.000.000,00, sendo que foi integralizado 50% no ato da assinatura do contrato, com deposito no banco do Brasil, o restante em 12 parcelas iguais pelo banco do Brasil.

    • Olá Lilica,
      Você poderia contabilizar dessa forma:
      D – bancos R$ 1.000.000
      D – capital social a integralizar (PL) R$ 1.000.000
      C – capital social (PL) R$ 2.000.000
      E a cada mês, após confirmar o recebimento do valor na conta corrente você faz as contabilizações:
      D – bancos
      C – capital social a integralizar (PL)
      Lembro que no documento de alteração contratual essa operação deve está descriminada.
      Abraço!

      • A empresa abriu em 10/05/2013. (individual) e em 11/11/2015 transformou em Sociedade. Nesse periodo entre maio/2013 a novembro de 2015 ela não teve atividade. Minha duvida é: Como fazer o lancamento do capital social do socio que entrou em 11/11/2015?

        • Olá Adelinto,
          O lançamento será conforme a integralização dele no capital da empresa. Como ele integralizou o capital? Foi em dinheiro, em bens? Como que foi?
          Abraço!

  2. Por gentileza, uma empresa inicia suas atividades conforme informação do contrato em 01/01/2017 e integraliza o capital social no ato em moeda corrente, o lançamento contábil é na data 01/01/2017 ou na data de registro na Junta Comercial que é em 19/01/2017? Quando a integralização é no ato é necessário subscrever? No meu entendimento não é necessário a subscrição do capital social.

  3. boa tarde!
    Ref. Pis e Cofins – lucro real
    No plano de contas de uma empresa tem duas contas redutoras na despesa
    (-) Pis não cumulativo a compesar e (-) cofins não cumulativo a compensar, está correto? pois quando fui fazer o SPED no plano de contas do governo não existe essas contas redutoras. Como contabilizar os créditos gerados pelos insumos e os débitos gerados pelo faturamento?

    grato

  4. boa noite…precisando muto de ajuda pois não consigo responder a seguinte pergunta
    Para iniciar as atividades, uma empresa precisa de recursos financeiros, geralmente, esses recursos são importâncias em dinheiro, investidas pelos sócios. Desta forma, sabemos que a Empresa Empreendedores Lúdicos Ltda realizou uma subscrição de capital no valor de 550.000 sendo 220.000 integralizado à vista, em moeda corrente e o restante será integralizado em 90 dias. Este lançamento contábil será realizado da seguinte forma:

    .
    Crédito na conta de Capital Social Subscrito (PL) no valor de 330.000

    Débito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 330.000

    Débito na conta de Bancos (AC) no valor de 220.000

    Crédito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 220.000

    b.
    Crédito na conta de Capital Social Subscrito (PL) no valor de 770.000

    Débito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 770.000

    Débito na conta de Bancos (AC) no valor de 550.000

    Crédito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 550.000

    c.
    Crédito na conta de Capital Social Subscrito (PL) no valor de 770.000

    Débito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 550.000

    Débito na conta de Bancos (AC) no valor de 220.000

    Crédito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 330.000

    d.
    Crédito na conta de Capital Social Subscrito (PL) no valor de 220.000

    Débito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 550.000

    Débito na conta de Bancos (AC) no valor de 220.000

    Crédito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 330.000

    e.
    Crédito na conta de Capital Social Subscrito (PL) no valor de 550.000

    Débito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 550.000

    Débito na conta de Bancos (AC) no valor de 220.000

    Crédito na conta de Capital Social à Realizar (PL) no valor de 220.000

  5. Boa tarde. Meu nome é Neuza e moro em Rondônia. Sou estudante de contabilidade e estou com dificuldade em realizar os lançamentos de alguns fatos contábeis. A minha dúvida é semelhante à da Estephanye que perguntou sobre lançamentos de terceiros na abertura da empresa. Gostaria, se possível, que o sr. fizesse e explicasse como devem ser feitos os lançamentos na subscrição e integralização do capital social. Estamos constituindo um empresa fictícia, com os seguintes dados:

    Sócios 1 e 2: Integralizarão o valor de R$60.000,00 cada um (R$120.00,00 no total). E R$30.000,00 de recursos de terceiros também devem constituir o capital social. Como realizar os lançamentos relativos aos recursos de terceiros? Como fazer a subscrição e a integralização do capital?

    Grata.

    • Olá Neuza,
      Não existe integralizar capital com recursos de terceiros.
      Ou o sócio capta o recurso na pessoa física e integraliza o capital ou você abre a empresa e depois pega recursos de terceiros, aí é empréstimo.
      Se você fala que integralizou capital com recursos de terceiros, o terceiro se torna sócio da empresa. É esse o caso? Acho que não.
      No exemplo que você menciona os lançamentos são assim:
      D – caixa/bancos
      C – capital social
      Se um terceiro aporta capital na empresa, ele também se torna sócio…
      Atc;

  6. Olá, como vai? Como ficaria os lançamentos, segundo a narrativa abaixo:

    Capital Social anteriormente Integralizado: 500.000
    Aumento de capital Social com a entrada de um novo sócio com capital de R$ 60.000,00, integralizado na compra de um imóvel.

    Grato,

    • Olá Enoque,
      D – Imóveis (imobilizado)
      C – Capital Social (Patrimônio Líquido)
      Na pessoa física do sócio deve refletir a compra do imóvel e a saída como integralização de capital na empresa, com suas respectivas quotas de capital.
      Abraço!

  7. Olá, tudo bem? Mas e na prática, como acontece essa integralização de dinheiro ou bens? A pessoa tem que abrir uma conta no Banco em nome da Empresa e fazer um depósito no valor das cotas? Gostaria de entender como funciona esse processo de integralização na prática mesmo. Obrigado. Ótimo artigo.

    • Para integralização em dinheiro, a empresa pode abrir uma conta ou utilizar uma conta já existente.
      Para integralização em bens, por exemplo, veículos (DETRAN), o sócio deve transferi-lo para a empresa. No caso de imóveis ou terrenos, o sócio também deve transferir a propriedade do bem para a empresa (cartórios).
      Então prepara-se a alteração contratual e registra na Junta Comercial ou órgão equivalente.
      Abraço!

  8. ntergralização do capital foi pago assim 70.000,00 em deposito banco,30.000,00 em duplicata a receber e 25.000,00 em via veiculos,como fica o lançamento?

    • Olá Nilda,
      Precisaria entender melhor essas duplicatas a receber, pois, geralmente, não abrimos uma empresa com valores a receber de clientes.
      Respondendo sua pergunta sem questionamentos seria assim:
      D – bancos – 70.000
      D – contas a receber – 30.000
      D – imobilizado – 25.000
      C – capital social – 125.000
      Mas com uma ressalva na contas a receber.
      Abraço!

  9. Luis Batista,

    Até a alteração contratual ser efetivada com o aumento do capital, qual documento posso usar como suporte para esta operação? Teria algum modelo?

    Desde já agradeço.

    • Talita,
      O documento suporte para esta alteração é a alteração contratual registrada na Junta Comercial.
      Se o aumento for com aporte financeiro, você já poderia lançar diretamente como aumento de capital, afinal, o registro do documento é só uma questão de tempo. Se você preferir, pode lançar como AFAC até o registro efetivo.
      Se o aumento for com reservas de capital ou de lucros, recomendo contabilizar com o documento registrado.

      Abraço!

  10. Bom dia !

    Estou com uma dúvida, a empresa em que trabalho tem investimentos em uma empresa controlada, porém a abertura dessa empresa foi feito com capital social, como faço para contabilizar, esse valor usado para abrir a segunda empresa eu tenho que deduzir do eu capital social ? pesquisei na internet o lançamento deve ser assim ? D-INVESTIMENTOS (ANC) C-CAPITAL SOCIAL ?
    Muito Obrigada

  11. boa noite!
    Eu posso abrir uma empresa pelo lucro real da seguinte forma:
    dinheiro:15.000
    imoveis:70.000
    veiculos:45.000
    Maquinas:50.000

    pode ser assim?

  12. como faço pra contabilizar a integralização de R$300.000,00, sendo R$285.212,00 em dinheiro e R$ 14.788,00 através de 4 aparelhos de ar ,sendo 2 utilizados na atividade da empresa?

    • Olá Maria,
      Você deve primeiro fazer uma alteração contratual aumentando capital da empresa. Devo lembrar que pode haver mudança de percentual na participação de cada sócio, então, cautela no procedimento.
      Quanto a contabilização:
      D-imobilizado (veículos)
      C-capital social – sócio x (PL)
      Abraço!

      • COMO FICA CONTABILIZAÇÃO NA MUDANÇA DE SÓCIOS,
        Ex: na abertura x sócio A e B integralizam o capital. Na data Y Sócio B sai da sociedade e faz transferência de cotas para um sócio C. Como fica essa contabilização.

        • Olá Carol,
          Debita-se o sócio que está saindo e credita-se o sócio que está entrando.
          Lembro que essa operação deve refletir nas declarações de imposto de renda deles.
          Abraço!

  13. Como é realizada a contabilização de capital social em caso de sócios que realizam empréstimo para esse capital, ou seja, o sócio não injetou dinheiro dele, mas sim de terceiros e provavelmente espera que a empresa absorva a dívida e não ele.

    • Olá Estephanye,
      Se o sócio pegou empréstimo para incorporar capital na empresa, a dívida é da pessoa física, não da empresa.
      Na empresa, só se registra o capital.
      D – bancos
      C – capital social
      O que acontece muito é que a própria empresa acaba pagando o empréstimo. Então você deve considerar como adiantamentos para o sócio, e ao final do exercício ser baixados como distribuição de lucros para ele.
      D – adiantamentos de lucros sócio X
      C – bancos
      No fechamento do balanço;
      D – lucros acumulados
      C – adiantamentos de lucros
      Abraço!

  14. Olá,

    Gostaria de saber como faço o lançamento de um capital de 140 mil integralizado, sendo que 35 mil refere-se a máquinas.

    Outra dúvida: Como encerrar o exercício apenas com esses lançamentos?

    Obrigado

    • Olá João Paulo,
      O lançamento é assim:
      D – bancos
      D – máquinas e equipamentos (imobilizado)
      C – capital social
      Se não houve lançamentos no resultado nesse período, o balanço encerra com esses saldos contabilizados.
      Abraço!

  15. Estou abrindo uma empresa que É regulamenta pela policia federal cujo a portaria 3.233, onde diz que para abertura da empresa é necessário ter um capital social mínimo de 100.000,00, estou com a seguinte duvida.

    Devo comprovar esse valor em espécie?

      • por boa por pode me ajudar só uma pergunta na compra de moveis e utensílio a prazo por 2.000,00 ela entra no debito ou credito na razote

Comente, pergunte, tire sua dúvida aqui!